sexta-feira, 25 de março de 2011

Esses dias em Dublin, estão sendo como um sonho, que apesar de toda a vontade do mundo, pensei que demoraria um pouco mais para se realizar. Acho que nunca fui tão FELIZ assim, tão viva e cheia de planos.
Estou descobrindo tantas coisas, lugares, sensações e gostos, conhecendo pessoas de lugares diferentes e com tantas histórias para contar. Aqui não fazemos amigos, ganhamos familia, irmãos e irmãs, pais, tios ... ás vezes muito mais presentes do que a sua própria família, aqui as pessoas se ajudam, fazem festa juntas,não se importam em dividir o pouco que tem com os outros. Quando ouvia isso no Big Brother, achava um absurdo, como pessoas que só se conheciam há dois dias já se diziam melhores amigos, agora consigo entender o que falavam e hoje li uma frase que dizia: " Ninguém nunca vai entender o que você sente até passar pela mesma situação" e é isso ai.
Ainda estou meio perdida com o inglês, mas de quando cheguei aqui há uma semana atrás para hoje, já consigo entender o básico do básico, resolver algumas coisas sozinha sem precisar de tanta ajuda, por que essa dependência estava me deixando chateada, é chato tentar se comunicar e não consegui, querer uma coisa e não saber explicar.
Também senti e ainda sinto em muitos momentos a falta dos meus amigos, da minha familia, do meu sol, de entrar na minha cozinha e escolher o que quero comer, saudades até da minha mãe me mandando dormir a meia noite. Aqui é muito frio, para mim pelo menos, e como eu gosto de sentir o sol tocando a minha pele, aquele quentinho tão gostoso...
Muitas coisas mudaram na minha vida, muito boas por sinal e estou amando cada segundo nesse lugar, mas, ainda estou muito ligada as minhas raízes. Quando vim pra cá o conselho que recebi era para ficar longe de tudo do Brasil por no mínimo 01 mês, uma forma de doer menos, o que eu fiz??? Ligo e falo com todos praticamente todos os dias, cada coisa que faço aqui é pensando neles em todos os momentos. Está errado? Não sei, só sei que preciso ouvir a voz de cada um, ter noticias, conversar, para ter a certeza de que está tudo bem com eles, assim como está comigo.
A única coisa que sei é que amo cada coisa que eu tenho, todos os meus amigos e a minha familia, hoje mais do que ontem e muito menos do que amanhã.

2 comentários:

  1. Que bom!!!!!! Fique sempre feliz!!!!! Saudades! Beijos!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Iuppiiii... É isso mesmo! ;)
    Beijos.

    ResponderExcluir